segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

PRA FECHAR 2017: PABLO VITTAR E TIRIRICA.



O que houve com a mídia?!
O homem que recebeu Renato Russo, Raul Seixas, Cazuza, Humberto Gessinger, Lobão e muitos nomes da música. Muitos que realmente foram os melhores do ano.
E agora aos 38 anos de idade, mesma idade que o Faustão tinha quando foi para a Globo. Sou obrigado a engolir a música do Pablo Vittar como a melhor do ano.
Porra, sou chato demais!
Pois é, sou chato. Prefiro ser chato a ser imbecil.
Sei que foi a música mais votada pela massa. A mesma massa que elegeu o PT e voltará a eleger em 2018.


Vamos lá!
Tiririca faz discurso fofo, se disse desiludido e que não quer mais fazer parte de uma política tão suja. Ele precisou de quase oito anos pra tal decisão. Por uma incrível coincidência foi o tempo exato para que o palhaço deputado conseguisse a aposentadoria no valor de mais de R$ 33.000,00.
E isso num país em que os aposentados sofrem com leis que o palhaço ajudou a ferrar com a suada aposentadoria bem longe dos mais de R$ 33.000,00.
Não satisfeito, o sujeito ainda declarou apoio ao Lula em 2018.
E o pior disso tudo é que esse cara está sendo considerado herói pelo povo.
O Brasil está de quatro mesmo!
Falando em país de quatro, a música do Pablo Vittar foi eleita a melhor do ano.

sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

INJUSTIÇA NA FINAL DO MASTERCHEF PROFISSIONAIS.



Sempre desconfiei desses concursos na tv de melhor músico, humorista, dançarino e até cozinheiro.
De qualquer forma comecei a gostar do formato MASTERCHEF BRASIL. Assisti os infantis e amadores. O Último amador levou o Raul e Izabel para a final. A Izabel levou o prêmio e eu achei um pouco injusto, mas tudo bem, não sei nem fritar um ovo direito.
Quando anunciaram o profissional, fiquei empolgado, pois seria o primeiro no Brasil.
Os jurados: Henrique Fogaça, Erick Jacquin e Paola Carosella sempre me passaram credibilidade, humanidade e profissionalismo.
Quando o Ivo saiu da competição, comecei a questionar a imparcialidade do programa, mas segui acreditando.
 Mas a final foi um circo de horrores!
Acredito que aconteceu alguma pressão da emissora para que a Dayse fosse a vencedora, assim criando uma personagem bem geração politicamente correto.
Como a Paola faz ótimos comentários do prato do Marcelo e em seguida dá nota 2?
Já fui professor e se um aluno tirava 2 na prova, eu conversaria com ele e diria que precisava estudar muito, pois é uma nota muito baixa. Bem diferente de dizer que foi quase perfeito.
Acredito na conspiração da emissora e a enviada foi a Paola.
Fogaça e Jacquin deixaram bem claro que foram profissionais, mas a Paola... Ou foi conivente com exigências de audiência da emissora ou deixou o feminismo falar mais alto.
Lamentável um programa de tão alto nível ter um final tão mesquinho.


quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

HUMOR CONDENADO E CORRUPÇÃO ABSOLVIDA.



Por várias vezes entrei em discussões por conta das minhas piadas.
O brasileiro tem o hábito de levar a sério o humorista e levar na sacanagem o político.
Nos Estados Unidos existe um desenho muito conhecido por aqui chamado South Park.
O desenho simplesmente escancara! Não existem limites para o humor do desenho que já está em sua 20ª temporada. Aqui no Brasil seria impossível criar algo assim.
Percebo que nos Estados Unidos o humor é menos censurado. O americano se preocupa mais com a política e economia e talvez por isso esteja há milhões de anos na nossa frente.
O humorista Tiririca logo no começo da carreira fez uma música chamada: "Veja Os Cabelos Dela" e foi perseguido e processado por racismo. A música não tinha nada demais!
Mas ninguém comentou o fato do deputado Tiririca ter votado a favor de limitar as investigações da Polícia Federal com os políticos.
Rafinha Bastos vive sendo perseguido até por outros humoristas por suas piadas ácidas.
Foi processado e teve que pagar R$ 150.000,00 para uma celebridade neta de Francisco.
Talvez se a piada fosse com uma pessoa mortal tudo seria diferente.
Por outro lado os políticos fazem o que querem. Cagam na nossa cabeça e está tudo bem.
O presidente do senado, Renan Calheiros foi condenado, mas bateu pezinho e está absolvido.
Acorda Brasil!
Levem o humor na sacanagem e levem a política a sério!

segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Ferreira Gullar Morre Jovem.



Sim, podem me chamar de louco.
Ele se foi aos 86 anos de idade e diz que se foi jovem?
Um outro jovem que se foi cedo demais, aos 36 anos disse: "É tão estranho, os bons morrem jovens".
E hoje entendo que quando se é bom demais, é sempre jovem!
Um político corrupto será velhos aos 30, mas um gênio como o Ferreira Gullar deveria viver mais de 200 anos.
Minha avó se foi aos 83 e meu avô aos 86.
Jovens sim, bem mais jovens que eu certamente.

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

QUE PAÍS É ESSE?



Brasil, meu Brasil brasileiro... Pode parar!
No Brasil bandido é protegido e feto de 3 meses é assassinado.
No Brasil bandido manda prender juiz.
No Brasil jogador de futebol é ídolo e professor apanha.
No Brasil políticos só trabalham até tarde para foder o povo.
No Brasil a vaquejada é cultura.
No Brasil um deputado que fala "seje"cria lei para que um advogado que fez mais de 4 anos de faculdade e a prova da OAB a execute.
No Brasil um analfabeto é recordista de votos como deputado.
Que país é esse?
É a porra do Brasil!

segunda-feira, 21 de novembro de 2016

Stand-Up Comedy Com Murilo Gun.



Na minha opinião como humorista, os melhores no segmento Stand-Up Comedy são: Rafinha Bastos e Murilo Gun.
O Rafinha tem um estilo mais agressivo e matador.
O Murilo Gun é genial!
Tem um texto em que ela fala que os ets talvez não buscassem água, mas sim Danoninho na Terra.
Fora de série!
Seus textos são muito criativos e me identifico quando ele fala das bobeiras da infância.
Acreditamos em cada coisa!
Espero um dia ter a honra de abrir um show dele!
Fica a dica, Murilo.
Quando puder, conheça RicTerapia:
https://www.youtube.com/user/TheRicLopes/videos

quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Prisão Do Garotinho.



Lembro do Garotinho desde 1988 quando foi prefeito de Campos dos Goytacazes pela primeira vez.
A musiquinha dizendo que era o prefeito do Brizola não sai da minha cabeça.
Sim, teve como mestre o grande Leonel Brizola.
Foi considerado o melhor prefeito do Brasil em seu primeiro governo como prefeito de Campos.
Teve vários prefeitos eleitos com seu apoio e todos o traíram.
Foi Governador do Estado do Rio de Janeiro.
Enquanto foi governador do Rio de Janeiro a violência diminuiu bastante, os policiais e professores tiveram aumento de salário e depois elegeu como governadora a sua esposa, Rosinha.
Daí elegeu o Sérgio Cabral que o traiu e colocou o Pezão como vice.
Pezão que no passado foi secretário do Garotinho, se aliou ao Cabral.
Depois que o Cabral assumiu o Estado do Rio de Janeiro foi um fiasco.
Começando com a novela das UPPs que deslocaram os bandidos da capital para o interior.
Estuprou o Rio de Janeiro e ensinou a arte do estupro público ao aprendiz Pezão.
Garotinho sempre priorizou os mais pobres. Criando a Passagem social, Restaurante Popular e Cheque Cidadão, além de várias obras no interior.
E agora uma piada muito sem graça:
Sérgio Cabral come caviar e ri da cara do povo estuprado na França.
Pezão assume o estupro do Rio de Janeiro, estupra com requintes de crueldade e pede proteção à Polícia com medo das vítimas do estupro. A Polícia então defende quem lhe faz mal e agride quem luta pelos direitos também da Polícia.
Garotinho então é preso.
Não dá pra entender!
Lula solto, Dilma solta, Cabral solto, Pezão solto e Garotinho preso!
Que país é esse?