quarta-feira, 7 de abril de 2010

Chico Xavier, um santo do nosso tempo.


Sem dúvidas o ser humano citado, ultrapassa qualquer barreira religiosa, pois creio na doutrina Kardecista, mas não me prendo a padrões religiosos e por este motivo ouço tudo que me faz bem em várias denominações religiosas.

Um homem que dedicou 92 anos de vida apenas para servir, deixando de lado os gozos de uma vida "comum" e se doando ao próximo como poucos.

Fui ao cinema assistir a sua história e vi ali um verdadeiro santo, ou seja, um ser separado, alguém ímpar.

Se 10% da população tivesse 1 % de sua bondade, teríamos um país, ou melhor, um mundo melhor!

Salve Chico!

Um comentário:

Ricardo Pancho disse...

moço... preciso falar com vc... estou com 2 mil kerendo comprar um veiculo... de preferencia kombi ou towner