sexta-feira, 11 de março de 2011

Concordo contigo Lobão!


Tudo que o Lobão falou sobre Fiuk, Luan Santana e Restart é mais pura realidade. As pessoas não gostam de músicas que falam verdades, pois é muito mais fácil viver num mundo idiota, onde a falsa imagem de família feliz descansa a realidade. Estou contigo como sempre querido Lobão. As pessoas falam em liberdade, mas querem nos calar! Que Democracia é essa?
Por isso a afinidade com o Lobão, pois pessoas de personalidade forte não se vendem aos meios imbecis que aí estão!
Alguém de personalidade forte e que espera um pouco de qualidade nas músicas, jamais poderia falar bem dos "astros" citados acima.
O Luan Santana tem jatinho, mas só o do Mamonas Assassinas explodiu... É a vida.

4 comentários:

silva disse...

estava procurando o blog do lobão mais achei o seu... que me parece ser um fã do lobão...o lobão além de ser temperamental e um cara inteligente, eu tenho 38 anos vivi a geração dos anos 80 vi renato russo, lobão, ira,etc... o que o lobão está fazendo hoje com esses grupos pseudo-adolescente é o que fizeram com ele no passado era discriminado chamado de doido e sem talento cantando vida vida vida bandida e outra baladinhas de radio dos anos 80. a mídia fez o lobão tanto que o repudia hoje... sim ou não?
o lobão fala mau de evangélico, prefeito, produtor etc...
vive uma crise de identidade em busca de aparecer, é triste ver uma pessoa assim. como restart,luan santanna e fiuk tem falta de talento artístico o mesmo eu acho dele.

Ricardo Lopes disse...

Querida Silvia, tenho 31 anos de idade e pude curtir um pouco menos do que você a boa gerção de rock dos anos 80, mas parece que você se esqueceu do que é talento. Acredito que os caras que tocam rock de verdade concordariam com o Lobão, mas só o Lobo tem a coragem de dar a cara pra bater. Infelizmente algumas pessoas com mais de 30 anos de idade acabam se rendendo ao lixo musical atual, mas por favor, comparar Lobão com "artistas" tão medíocres é muita maldade.

Amanda Pinto disse...

Vi teu link no face do Lobão e cara... até tinha pensado em bolar um post depois que li uma reportagem no jornal da minha cidade sobre as afirmações do Lobão sobre os astros ao qual te referiste. :)

Não me agradou o tom do jornalista sobre o que o Lobão expôs, mas tudo bem, cada um tem as suas próprias verdades.

O que muito me assusta, é ver pessoas maduras acreditando em algo equivocado (como você disse família feliz, mundinho cor-de-rosa, essas coisas) simplesmente pra se esquivar da realidade.

É fato que muitos artistas são massacrados logo que vem à tona, principalmente pelo fato de terem pouca idade, é assim em qualquer mercado de trabalho, em qualquer que seja a profissão. Agora seguindo essa lógica, os artistas dão o máximo de si pra se aperfeiçoarem, conquistarem o público e sim, ganharem o gosto da crítica. Dessa forma eles crescem.

Contudo, existem aqueles que se revoltam com o que falam a respeito de seu trabalho, ficam exatamente no mesmo lugar e viram motivo de piada. Fiuk... bem, é óbvio que sopraram no ouvido dele que "filho de peixe, peixinho é"... o Fábio Jr além de ser maior garanhão, desde novinho mostrava que "não era apenas um rostinho bonito". Ele pode até esquecer as letras de suas músicas, mas sua voz é belíssima, sua capacidade de compor letras decentes e emocionantes idem. O Fiuk mesmo tendo milhões de fãs histéricas, se esforça muito pra não desafinar no estúdio. Música ao vivo da Hori então, é pedir por um protetor auricular.

O Luan Santana, não tenho nada contra. É menino novo, usa calça atoxada, jaqueta de couro, vive o fenômeno da dobradinha "forró-sertanejo", está com a agenda lotada de shows, mas pelo menos tem carisma e não desafina. Quanto às suas composições... não tenho conhecimento de causa pra criticar. [Só conheço Meteoro] Mas dá pra escutar sem traumas. Pelo menos sua postura enquanto artista não me provoca repulsa ou qualquer tipo de aversão.

Agora gente... chamar Restart/Cine/NXZero/Fresno/PonhaAquiQualquerBandaEmodoBrasil de rock é pedir pra morrer. Sim, o ritmo foi uma alternativa pra protestar as injustiças desse mundo, pra chocar as pessoas "quadradas" da sociedade, criticar o sistema (mesmo sabendo-se que não se pode fugir dele), mas acima de tudo pra se divertir.

O que não pode é confundir diversão com modinha pré-adolescente que não protesta nada, não afirma nada, não sabe de nada, só faz o coração com a mão; não que tenhamos que negar a fase "revolts" dos hormônios em ebulição da vida de todo ser humano normal, é um ciclo, todos passam por isso.

*Vestir roupas coloridas: é estranho mas cada um usa o que bem entender.
*Ter cabelos repicados e fazer caretas: funcionou com muitos artistas no showbiz.

O que me desagrada completamente no meio disso tudo é ver que nem metade desse pessoal sabe uma outra língua (Cine tentou cantar Save Me e engatou ¬¬), nenhuma das composições próprias (se é que podemos considerar assim) tem uma letra profunda, com algum significado realmente importante, e eles conseguem ganhar muitos prêmios. Nem geografia esses caras sabem ("Manaus é meio-do-mato e não tem civilização" pra Família fofa Restart - ouwn). Já tô até vendo que quando eles vierem pra Belém vão querer colocar anilina rosa no açaí pra ficar alegre e divertido e vão achar que carimbó é lambada. Como eles fazem sucesso?? Como eles tem fãs??

É uma dúvida com a qual muitos além de mim vão precisar conviver.

Desculpa pela falta de poder síntese.É que tua colocação foi bastante pertinente!

http://cmonkid.blogspot.com

Ricardo Lopes disse...

Querida Amanda, adorei o seu comentário. Adoro quando recebo uma resposta inteligente e concreta de algo que escrevo com tanto carinho.
Você prova que idade e visão nem sempre andam de mãos dadas. Você certamente está longe dos 38 anos de idade, mas vê muito mais além do que certas pessoas que já gozam de tal idade.
Estou te seguindo em seu blog, seria uma honra se você pudesse me seguir. Também te add no facebook.
Tenha uma ótima tarde.
Beijos do Ric.